O REALITY SHOW DAS PRIS√?ES BRASILEIRAS

  • Gilson C√©zar Augusto da Silva

Resumo

O texto procura abordar a grave crise do sistema penitenci√°rio brasileiro. Um breve relato, mostra a hist√≥ria das formas de se punir o criminoso, desde a antiguidade at√© os dias atuais, passando pela humaniza√ß√£o da pena iniciada no S√©culo XVIII d.C. Demonstra-se que as atuais condi√ß√Ķes carcer√°rias dos detentos n√£o melhoraram muito desde o referido per√≠odo humanit√°rio. Em alguns casos, houve at√© retrocessos. Posteriormente, trata-se das fun√ß√Ķes que a pena deve ter como forma de controle social, com maior √™nfase as penas privativas de liberdade, que as destinadas aos autores de crimes graves. Aproveitando a onde televisiva dos reality shows, fez-se uma analogia superficial das condi√ß√Ķes dos participantes desses programas com as dos presos. Por fim, s√£o mostradas as mazelas do sistema carcer√°rio brasileiro, destacando a import√Ęncia da recupera√ß√£o do criminoso.

 

Palavras-chave: pena; penitenciária; ressocialização; sistema carcerário; reality show; criminoso.

Publicado
2009-03-19
Como Citar
C√ČZAR AUGUSTO DA SILVA, Gilson. O REALITY SHOW DAS PRISES BRASILEIRAS. Revista Em Tempo, [S.l.], v. 4, mar. 2009. ISSN 1984-7858. Dispon√≠vel em: <http://revista.univem.edu.br/emtempo/article/view/123>. Acesso em: 16 oct. 2018.
Seção
Artigos